Para quem acha que eu estou exagerando, vou te contar uma história que aconteceu na escola que eu trabalho semana passada: na sala de preschoolers (3 anos de idade) uma mãe foi se queixar de que sua filha havia reclamado de que o banheiro da escola estava quebrado. Como a situação ocorria diariamente, e a mãe já estava preocupada, pois a menina se trancava no banheiro quando chegava em casa e lá ficava, as vezes até 1 hora, afirmando que na escola não tinha mais banheiro para usar. Nitidamente preocupadas, as professoras disseram que não havia banheiro nenhum quebrado e que ninguém tinha notado nenhum comportamento diferente na aluna. Pois bem, no dia seguinte a mãe entrou no banheiro e percebeu que sua filha ficava em frente a privada forçando o vômito todos os dias depois de chegar da escola.

 

anorexia.jpg

Esse relato te choca? A mim me chocou a ponto de eu não conseguir parar de chorar quando voltei pra casa. Eu não sei direito o que pensar quando vejo que meninas de 3 anos já estão sofrendo com o próprio corpo.

Fico me perguntando quando vamos olhar o nosso corpo como saúde, como algo que nos carrega, que nos aguenta, que nos da vida! Comer é vida, é energia para as nossas células. Quem não come morre. Que cultura é essa que vivemos? Ser magro é mais importante do que ser saudável?

Me respondam seriamente, o que vocês querem ensinar aos seus filhos? A serem magros ou serem amáveis, interessados, curiosos, espertos? Me parece que cada dia o mais importante é o que temos por fora. Isso está errado! Nosso corpo é importante porque carrega o nosso ser, a nossa alma.

Se a resposta for a segunda opção, e eu espero do fundo do coração que seja, vamos parar de vangloriar os corpos, criticar e nos massacrar para sermos magros. Nos exercitar ou comer em função de ter o corpo ideal. Vamos mudar de assunto, vamos incentivar as crianças a comer bem porque é saúde, vamos fazer exercício porque faz bem pra nossa saúde mental. Não vamos usar a comida como chantagem, castigo ou prêmio. Vamos elogiar a mente, pelo amor de Deus, parem de elogiar os corpos!

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s