E ai? Quantas vezes você já ouviu, inclusive de professoras, as seguintes frases: “Ah, que criança mal educada” ou: “O meu filho jamais faria uma coisa dessas…” “Que feio, que vexame…”. É…, desculpe te enfrentar, rainha da educação, mãe de crianças exemplares, mas eu duvido. Duvido que você nunca tenha passado por uma situação que a sua vontade tenha sido fechar os olhos e repensar o dia que você resolveu ter filhos. O chilique do seu filho pode ser no shopping, no supermercado, na escola, na casa dos avós ou na sua própria casa, mas ele existe! E olha, tudo bem, isso não te faz uma pessoa pior nem melhor, todo mundo passa por isso. O que não vale é deslegitimar o outro. Que tal ajudar então?

Como podemos lidar melhor com um chilique de uma criança? E como podemos nos preparar, já que eles são inevitáveis? Primeiro vamos pensar o que a criança está querendo nos comunicar quando da um chilique…

Na maioria das vezes as crianças gritam, esperneiam, se jogam no chão porque ainda não sabem como se comportar de outra forma. Elas não sabem sentar e chamar para uma conversa, elas não sabem expressar os sentimentos, muito menos ódio, raiva ou frustração. Uma boa tática é nomear o sentimento e explicar que não é assim que expressamos raiva.

Além disso, as crianças gostam de testar. Gostam de testar a sua reação com ela em diferentes ambientes. Como será que a minha mãe vai reagir se eu me jogar no chão na frente da vovó? Será que eu vou conseguir não tomar banho? Se ela conseguir UMA VEZ, aí esquece, ela vai se jogar no chão e gritar toda vez que a vovó estiver por perto. Faz parte da inteligência da criança, ela está te analisando. Ela sabe como você vai agir em todas as situações, mas quando percebe uma brecha no seu comportamento, é aí que ela se enfia de vez. E acredite, pode ficar cada vez pior.

Quando estiver passando por uma situação de chilique, primeiro de tudo: mantenha a calma, essas coisas acontecem, TODAS AS CRIANÇAS PASSAM POR ISSO, seu filho está testando o seu comportamento e é importante ele perceber que o chilique dele não te amolece. O que fazer? Continue com a sua decisão e NÃO ABRA MÃO porque o seu filho está gritando, chorando, esperneando.

O melhor a fazer é: conter o seu filho nos braços (sim, tirá-lo do chão), dar um abraço apertado e conversar com ele até ele se acalmar, nomeie e legitime o sentimento dele: “filho, eu sei que você está nervoso e que você gostaria de continuar brincando” e explique os motivos pelos quais você precisa que ele faça aquilo que você está pedindo: “mas agora é hora de tomar banho, depois do banho você pode voltar a brincar”. Assim que a criança se acalmar, pergunte se ela está pronta para ir ao banheiro sozinha tomar banho ou se ela ainda precisa de ajuda da mamãe para levá-la até lá.

  • Demonstrar que precisa de ajuda é um sinal de maturidade, é reconhecer que o seu corpo está com dificuldade de fazer sozinho: “não tem problema, a mamãe te ajuda a ir até o banheiro”.
  • Decidir por si próprio é um sinal de muita maturidade, é reconhecer que consegue passar por cima do seu orgulho, e neste caso deverá ser muito elogiado: “a mamãe está muito feliz que você tomou a decisão de levar o seu corpo para o banheiro, eu percebi o quanto isso estava difícil para você”.
  • Não conseguir tomar nenhuma decisão é um sinal de que a criança ainda está desenvolvendo seu controle emocional. Neste caso você vai precisar direcioná-lo para a ação: “o seu corpo está me dizendo que você precisa de ajuda para ir até o banheiro, não tem problema, a mamãe te ajuda”.

Não importa o lugar que você esteja, seja sempre firme e siga até o final com a sua decisão. Não ignore um chilique do seu filho, não deixe passar. Não compre uma bolacha porque seu filho ameaçou chorar no mercado. Não dê o tablet no restaurante porque o seu filho não para quieto. Combinados são combinados e devem ser respeitados por parte dos pais e por parte dos filhos. Se o seu filho percebe que é fácil te corromper ele não vai te respeitar. Não tenha medo de passar um vexame, mas não deixe seu filho fazer o que ele quiser.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s